Não é da noite para o dia...

29/04/2012


Vocês escutam muito essa pergunta??? E os complementos, que não aparecem nesses quadrinhos?

Aí,  brincam com a minha paciência!!!  
Quando li esse quadrinho logo me identifiquei...rsrs

Eu sei que eu estava muito gorda e que demoraria ficar aparente meu emagrecimento, porém a diferença já é muito nítida.

Quando as pessoas me encontram, mesmo as que não tem muito tempo assim que não vejo, logo elogiam, claro! Adoro! E seguem com as perguntas:
  • Tomou algum remédio?
  • Emagreceu rápido! O que tomou? ( rápido?????...vai... hunf!)
  • Mas só alimentação e AF???? (com aquela enfase) 
 Para a grande maioria, se não forem todos, principalmente os gordinhos, parece impossível emagrecer com RA e AF e acham que é, pra mim, a coisa mais fácil e rápida do mundo... Difícil entender que não foi da noite para o dia!!!!
Mas quando tento explicar os sacrifícios necessários, krak!, colocam todos os obstáculos do mundo: não tem tempo, tem criança em casa e muitas guloseimas, não comem legumes, verduras... enfim! E se eu tentar colocar como é comigo, aí começam a achar todas as dificuldades possíveis... aiiii, faz favor, né! NÃO QUER, NÃO PERTUBA! rsrs

Hoje fui a um churrasco e estavam vários amigos, sempre me veem e, alguns, sempre elogiam e tal. Em outra época, ficaria sentada ou dançaria bem discretamente, mas hoje me soltei. Dancei muito e só via os olhares e os comentários dos mais gordinhos entre eles.
Por que as mais gordinhas são as que mais invejam? E que menos elogiam?
Poderiam, ao menos, tentar, ne!
Logo quando fui me servir uma falou: "Hoje pode, né?"
Olhei bem pra ela e disse: "Posso! Como todos os outros dias." E mostrei meu prato.
Logo a surpresa: "Mas só isso? Não vai comer mais um pouquinho?"
Euzinha: "Não, isso já me satisfaz!" E realmente, me satisfez sem a necessidade de colocar coisas gordurosas e repetir. E da-lhe suco e água!

Sexta estava até conversando sobre isso com meu prof. Se eu vejo uma pessoa como um bom exemplo, seja no que for, nossa, eu vou me espelhar nela, aprender e tentar crescer com o que de positivo eu aprendi.
Mas vejo que muitos sentem inveja, ou sei lá como denominar isso... Incrível!

Foi-se o tempo que isso me incomodava... Estou muito ocupada sendo feliz para me preocupar com isso. Cada um sabe onde seu calo aperta, né não?

Mas tive momentos bons também... Uma amiga passou por mim, enquanto eu dançava, e falou que eu estou de parabéns. Lerda, eu não entendi e perquntei o por que e ela disse que era por causa da minha determinação... Fofa!

 A surpresa quando me perguntaram se eu ia beber (cerveja) e eu disse que tinha parado!! Põe surpresa nisso... Eu era companheira de copo de muitos alí...rsrs... Me libertei, falei que seria só companheira de conversa mesmo...rsrs... (Escutei de uma: "Por isso não emagreço, não consigo parar de beber!" Preferi não responder.)
 E assim por diante...

Por isso considero esse espaço aqui muito importante, pois estamos em busca do mesmo objetivo, sabemos das dificuldades e, mais ainda, sabemos que somos capazes! E sabemos como é satisfatório cada quilo eliminado...
Não temos inveja uma da outra, pelo contrário, tentamos ser o empurrãozinho que falta no momento de desânimo e a alegria complementar quando seguimos com exito.

Gratidão a todas que se alegram comigo \o/\o/

"Tamô" juntas!!!!!! (bem carioquês...rs)

12 comments

ivana. | 29 de abril de 2012 21:36

Nossa, amiga, disseste tudo neste post. É bem isso aí que acontece, e tenho certeza que é com todo mundo que está baixando de peso. MAIS REAL, IM POS SÍ VEL !!! Passo por tudo isso aí que escreveste !!! Assim é o ser 'dito' humano ...
Um beijo carinhoso e muito sucesso com teu emagrecimento (eu sou uma torcedora sincera pra tudo isso ! Somente quem passa por esta situação sabe do que estamos falando né ??).

Daniele Silva | 29 de abril de 2012 21:36

Oi Biaaa, tudo bem?
Adorei o post. Me identifiquei com algumas situações. Aqui na minha rua, não sou de papo com praticamente ninguém, sou ocupada e quase nao fico em casa. Algumas pessoas que nunca falam comigo chegam na minha mãe e perguntam com total espanto: NOSSAAAAAA, o que aconteceu com a sua filhaaa? Ela tá tão magraa! (PS: Tô longe de estar magra...huauhauhauha). Mas do jeito que falam, parece que peguei alguma doença e estou em fase terminal. Genteee, porque isso? Eu estou me cuidando e como vc disse, não foi de um dia pro outro... o processo é lento e duro. Só consegue quem persiste.

Mas enfim, tô nem aí pra elas ou qualquer outro tipo de comentário esnobe. Rsrsrs...

Continue na luta e seja orgulho pra vc mesma. Bjossss

Vivi - viviass.blogspot.com.br e meublogdereceitasfavoritas.blogspot.com.br | 29 de abril de 2012 22:53

Amei os quadrinhos kkk
Difícil mesmo é resistir às tentações né amiga...mas com persistência se consegue atingir o objetivo
Bjs e ótima semana
Vivi

Patricia Rosa | 30 de abril de 2012 00:51

Tudo o que disse, assim como a Ivana e a Daniela... faço minhas as palavras!
É exatamente o que ouço, sempre. Encontro alguém, muitas vezes, pessoas que nunca falaram comigo, e BUM: bombardeio de perguntas, desconfiança, desmerecimento, elogios, ... Querer a maioria quer, mas enfrentar... Em frente ao ponto que costumo pegar ônibus, mora um senhor que perguntou aos meus pais se eles não estavam me dando comida!!!

Catuxa Mimi | 30 de abril de 2012 08:43

Concordo com tuuudo!!!
Sinto exactamente o mesmo que tu!
Ainda anteontem comentei sobre isso...
Mas nem sequer me vou alongar muito sobre isso... Cada um sabe de si! E a inveja mata :P
Bjos querida e PARABÉNS pela determinação :)

Larissa Toso | 30 de abril de 2012 08:43

é normal situações assim né. todo mundo espera que alguém descubra uma formula mágica do deuses para emagrecermos da noite para o dia, e bem que podiam invertar mesmo né???? hahaha, mas fazer o que, vamos continuar nessa luta! Demora mas chega :D
Beijos

Fer | 30 de abril de 2012 13:47

Oi Bia !!
Este post foi TUDO !!
Menina como são as pessoas né...aff.
Foi justamente por isso que fiz meu blog,assim convivo com pessoas que assim como eu estão na mesma luta,vivendo as mesmas alegrias e frustações,e foi como vc disse, não tem inveja e sim companheirismo entre nós,qndo uma cai a outra da a mão para levantarmos,algo bem diferente no mundinho de cá de que qndo vc cai a outra ja vem com uma pá de terra para não te deixar levantar de jeito nenhum.
Me sinto bem aqui entre vcs,minha familia é grande,mas apenas o pessoal de casa sabe da minha luta contra a balança,preferi não comentar com os demais sobre minha determinação,pois eles acham que se vc esta num churrasco não pode comer nada e ficam fiscalizando e com aqueles comentarios idiotas.
Mas eu ja sobrevivi ao primeiro encontro da familia na pascoa rsrs,fui bem discreta e apenas um dos meus irmãos me perguntou se estava tudo bem,pois ele havia notado que meu corpo esta um pouco diferente,perguntou se era dieta,eu disse que não,estava aprendendo a comer mesmo,rsrs,rimos e ficou por isso mesmo.
A luta segue!!
Beijinhos e boa semana.

Micha Descontrolada | 30 de abril de 2012 14:54

pior q é verdade: essa dupla é infalível...é mesmo, as pessoas acham q é fácil conosco...tb me perguntam: mas vc como o q? e eu respondo arroz/macarrão(integral), feijão, carne, legumes...e não como verdura...e um chocolate pequeno todo dia...esse último vou tentar reduzir aos fds...mas por enquanto tem sido assim e tem dado resultado.


Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα ツ

Cíntia Milanese | 1 de maio de 2012 19:32

Oi, Bia, adorei sua visitinha e recadinho. Volte sempre que quiser! :)

Amei seu blog, é lindo...

Espero que possamos trocar muitas figurinhas. Já estou te seguindo.

Andréa | 1 de maio de 2012 20:14

Olá passando para visitar seu blog, estou de volta com endereço novo: ficandobelissima.blogspot.com ,espero vc por lá

Ka Martins | 2 de maio de 2012 09:27

Querida, te desejo uma ótima semana.
Aqui em Porto Alegre, muito frio e haja saúde para aguentar essas mudanças, mas não podemos desistir faça sol, faça chuva. Bora lá. Bjinhosss

Ka Martins | 2 de maio de 2012 09:27

Querida, te desejo uma ótima semana.
Aqui em Porto Alegre, muito frio e haja saúde para aguentar essas mudanças, mas não podemos desistir faça sol, faça chuva. Bora lá. Bjinhosss